Kendra

A Drow

Description:

15935900_1203714189716565_1074592348_n.png
Ps: all rights reserved for whoever has drawn this armor and I’m sorry for screw up your drawing

Raça: Elfo Drow
Idade: 175 anos
Altura: 1,60
Peso: 53kg
Olhos: Prateados
Pele: Preta
Cabelo: Branco/Lilás

Classe: Ladino
Antecedente: Órfão
Tendência: CN

Bio:

História do Personagem:
Até minha adolescência, costumava ser uma drow comum, com uma leve indiferença às tradições e rituais do meu povo. Muito mais me interessava esgueirar por ai e ouvir histórias proibidas de como era o mundo na superfície e seus habitantes peculiares.
Com o tempo, troquei as habituais cerimônias do meu povo por visitas frequentes aos arquivos – a zona de documentos banidos, claro – e observações regulares do mundo na superfície, já que durante os rituais nenhum guarda estaria prestando atenção em mim.
Durante meus estudos, descobri os diários de Drizzt Do’Urden e em livros históricos uma história muito antiga, sobre a época em que não havia divisão entre elfos e drows. Ao mesmo tempo, notei como havíamos regredido e ficado cegos com a adoração ao “mal”. Palavra nova que aprendi, que acredito ser sinônimo de Lolth.
Preocupados com meus frequentes desaparecimentos, meus pais pediram conselhos aos nossos líderes. Um dia, enquanto lia um livro roubado, fui encontrada e levada para “tratamento”, onde constantemente me submeteram a magias e cerimônias. Permaneci firme, arquitetando a minha fuga, já que sabia todos os caminhos para a superfície.
Passei incontáveis anos sendo impedida de voltar a sociedade, até que o momento da fuga chegou. Fingi cooperar por semanas e na primeira brecha de liberdade, fugi. Despistei a todos no mundo superior. Por muito tempo fugi de meus iguais e do povo da superfície que não entendia que eu não era como os outros drows. Após décadas vagando sem rumo e me escondendo, descobri alguém de quem não precisava fugir. Ele me ensinou muitas coisas, inclusive a amar. Desde então, não ando mais sozinha, mas isso não quer dizer que as dificuldades acabaram.

Traços de Personalidade:
Kendra tem muito interesse em aprender coisas novas sobre a superfície e interagir com pessoas de outras raças, mas ao mesmo tempo tem receio do que pensariam dela, então evita tomar iniciativa em socializações. Costuma imitar ações que não conhece para entende-las, mesmo que sejam inadequadas.

Ideais:
Não conhece muito bem o conceito de certo e errado ou das leis e morais que guiam o povo da superfície e frequentemente erra tentando acertar, porém sua prioridade é sempre ajudar os amigos, acima de qualquer escolha moral.

Ligações:
Varis – primeiro vínculo depois do exílio, é seu modelo e apoio da vida fora da sua terra.
Drows – tenta ao máximo deixar de lado vícios e ideais recebidos de práticas em sua terra natal

Defeitos:
Tem medo do seu passado e costuma se evasiva quando tocam nesse assunto, pois teme que seja mau vista pelos amigos. Sempre tenta agradar as pessoas que se aproximam, mas acaba sendo inconveniente em horas inapropriadas.

Kendra

Tales of the Shattered Land cmcs